30/03/2009

GNOCCHI DE BATATA BAROA E COENTRO COM MOLHO DE LIMÃO

Amigas, desculpem minha ausência esta semana, mas como a páscoa está próxima estou correndo que nem louca. Os finalmentes são os mais trabalhosos e quero que tudo fique perfeito!! Um dos meus problemas na minha dieta sendo neta de italiana são as massas. Além de domingo ser sagrada em casa, o macarrão e as massas em geral como pães, bolos, tortas e tudo que provém do trigo ou semelhantes batem ponto na minha casa pelo menos umas 3 vezes por semana. E quando não tem sentimos uma falta danada. Ontem decidimos ir almoçar fora pois como monopolisei a pia de mármore da minha casa para a temperagem dos chocolates todo mundo virou meio que refém meu, não deixo ninguem entrar na cozinha sem toca, nem abrir a torneira quando estou mexendo com o chocolate. Ai o jeito ontem foi sair para um almoço em família. A princípio íamos ao Mocotó, mas a chatonilda da minha filha que é super fresca pra comer acabou convencendo minha mãe de ir em outro lugar porque lá não iria ter nada que ela gostasse. Como minha mãe nem mima meus filhos, ela aceitou, claro, e fomos num restaurante que tem no Tatuapé chamado Ripa na Brasa. O lugar começou como um boteco e hoje é frequentado por quase todas as famílias do bairro. É um lugar simples, porém com um toque de sofisticação. O estilo é self-service com aquela parte de churrascaria que vc escolhe a carne que quer. Gente, vocês não tem noção do que tinha de comida, de tudo que era jeito. Fiquei perdida e não sabia oque pegar. O jeito foi comer duas vezes né (ai Jesus me abana), coisa que estou ha um tempo não fazendo mais mas ontem foi impossível. E lá tem uma tradição, eles servem umas rosquinhas no final da refeição com o cafézinho que é um espetáculo. Sempre quentinha porque não dá tempo de ficar no pote, o povo ataca que é uma coisa. Sei que comi muito e muito bem. Ai saimos todos falando oque sempre falamos: - Nossa, hoje não janto!!!! Ma que não heim!!! Quando deu 8 horas já estava todo mundo fuçando na geladeira (inclusive eu!!) e me bateu um plim na cabeça. No almoço comi um gnocchi de mandioquinha lá no restaurante que estava muito bom. Olhei na geladeira e não é que tinha mandioquinha. Adivinha oque fiz muá?? Corri arrumar meus chocolates e cai de barriga na pia a fazer o tal gnocchi. Receita excelente que fiz com um molho de limão que gosto muito. Essa receita que faço do gnocchi é da chef Mara Alcamin, mas o coentro é por minha escolha, mas o molho é de minha autoria. Muito bom!!!
Antes da receita, algumas explicações.

Popular no mundo todo

A mandioquinha-salsa, também conhecida por batata-baroa, batata-salsa ou cenoura amarela é uma hortaliça rica em fósforo, vitamina A e niacina, sendo também uma importante fonte de energia em função do seu alto teor de carboidratos. Devido a fácil digestibilidade de seu amido, é amplamente recomendada para alimentação infantil, de pessoas idosas e convalescentes. É uma raiz tuberosa originária dos países andinos (Equador-Peru), introduzida no Brasil no início deste século, provavelmente a partir da Colômbia. Pertence à família Apiácea, como a cenoura, a salsa, o coentro, o anis, o salsão ou aipo e o funcho.

COMO COMPRAR

A mandioquinha-salsa é produzida durante todo o ano, entretanto a safra se concentra no período mais frio, quando os preços são mais acessíveis.As raízes frescas, recém colhidas, devem apresentar cor amarelo-intensa. Algumas cultivares produzem raízes brancas, porém estas não são comuns no mercado brasileiro. Evite comprar raízes cortadas, com ferimentos, áreas amolecidas ou manchas escuras, que podem apodrecer mais rapidamente. O tamanho das raízes não é muito importante, mas deve-se evitar aquelas com tamanho superior a 25cm, que podem ser fibrosas por terem sido colhidas de plantas velhas


COMO CONSUMIR

Tradicionalmente consumida como sopa, papinha para alimentação de bebês e ensopados, a mandioquinha-salsa é muito saborosa quando utilizada na elaboração de pães, canjas, nhoque, suflês, biscoitos, bolos ou em saladas frias e maionese. Também substitui a batata na forma de chip ou palha.As raízes congeladas não se prestam para a elaboração de frituras, devendo ser utilizadas no preparo de pratos cozidos. Para a retirada da casca, as raízes são raspadas com uma faca sob água corrente, imediatamente após tirá-las do congelador. O descongelamento é feito diretamente ao fogo, durante o preparo do prato

COMO CONSERVAR

As raízes se deterioram muito rapidamente, chegando a apodrecer em 24 horas em temperatura ambiente. Raízes frescas se conservam por até cinco dias, quando embaladas em saco de plástico e mantidas em geladeira doméstica. Em condição ambiente, deve-se evitar embalar as raízes com plástico.A mandioquinha-salsa crua pode ser congelada. As raízes devem ser lavadas, secas com papel absorvente e colocadas em saco de plástico, do qual se retira todo o ar com um bombinha de vácuo



GNOCCHI DE BATATA BAROA E COENTRO COM MOLHO DE LIMÃO

Ingredientes gnocchi: 250g de batata baroa, 60g de parmesão ralado, 60g de farinha de trigo, 40g de amido de milho, um punhado de coentro bem picado, 60g de castanha de baru torrada e triturada (se não achar pode ser castanha de cajú), 40ml de azeite extravirgem, 2 gemas.

Ingredientes molho: 1/2 cebola roxa ralada, 2 colheres de sopa bem cheia de manteiga extra, 2 colheres de sopa bem cheia de farinha de trigo, 500 ml de leite, nós moscada, sal, 1 colher de sopa de parmesão ralado, 1 caixinha de creme de leite, suco de 1/2 limão.

Faz Assim: Cozinhe as batatas com água e sal grosso e quando estiverem macias, escorra-as e exprema-as ainda quente (guarde a água do cozimento da batata para cozinhar o gnocchi). Deixe esfriar e junte o parmesão, o amido de milho o azeite, o coentro, e as gemas. Coloque a farinha de trigo aos poucos e por último a castanha. Misture tudo e modele conforme o seu gosto. Eu faço bolinha pequenas.

Molho: Derreta a manteiga e sue a cebola. Junte a farinha de uma vez só e mexa bem. Deixe que frite um pouquinho e junte o leite aos poucos em fio mexendo bem para não empelotar. Tempere com sal e nós moscada ralada. Junte o parmesão ralado. Deixe o fogo bem baixo e cozinhe por uns 5 minutos. Desligue o fogo, junte o creme de leite e o suco de limão. Mexa bem.

Monte: Na água que cozinhou as batatas baroa cozinhe o gnocchi. Coloque a panela ao fogo e quando a água ferver vá cozinhando o gnocchi aos pouco, jogue-os na água e quando as bolinhas boiarem é que já estão cozidos. Vá pegando com uma escumadeira e colocando na travessa de servir. A cada tirada regue um poco de azeite sobre os gnocchis cozidos para que não grudem um no outro. Quando todos estiverem cozidos, jogue o molho por cima e está pronto para servir. Se quiser, polvilhe um parmesão ralado sobre tudo e levre gratinar para uma melhor apresentação.




Fonte foto mandioquinha:

16 comentários:

A DONA DO MUNDO disse...

ENGORDEI SÓ DE PENSAR NO RESTAURANTE
BEIJINHO

Tangerina disse...

Oi Carol,

Obrigada por sua visita lá no tangerina que ainda é bem pequeno ;)volte sempre.

Beijinhos de Lisboa

Carlota,

Babalu disse...

Olá Carol! Passei para retribuir a sua visita e adorei o seu cantinho, voltarei mais vezes!

Marcia Gullo disse...

Noooosssssaaaaa , Meu lado Italiano do DNA ta babando!!!! Ainda mais que jantei bem pouquinho hoje, e ainda to com fome!!!
Você é muito cruel mesmo!!!!
Bejus querida e tenha uma boa noite.

Nosalai disse...

Que receita diferente Carol...adorrei! Deve ter ficado uma delícia hein!!!
Beijos

Joana G. disse...

Olá Carol!
Obrigada pela visita! Também adorei o seu cantinho!

Por aqui(Espanha), a revista do Jamie pode ser obtida através de assinatura, no site... ainda não encontrei em livrarias ou bancas...

Vamos ver quando tarda para aparecer por aí, né?
Beijinhos!

Cucchiaio pieno disse...

Que delicia de receita! Adorei, parebéns.
Ah, ja' ia me esquecendo... amei a musica! Bjos

Isa Lourenço disse...

Carol,

Obrigada pela visita.
Apareça sempre, será sempre bem vinda.
Bjos

P.S. - já a adicionei aos favoritos ;)

Lourdes Sabioni disse...

Fala se mandioquinha não é tudo de bom!!! E conheço uma pessoa que diz que nunca comprou porque ouviu dizer que não tem gosto de nada...pode??? Bjs

Mari disse...

Nu.....amei e ponto.
Aqui, valeu pela indicação do livrinho. Beijos,M.Bourdain

Raul e Joel Carvalho disse...

Visualizei o seu blog e achei muito interessante... Parabens

Gostaria de lhe pedir se poderia colocar o link do meu blog no seu site: http://do-nariz-a-boca.blogspot.com/

Pode ser??

Quando colocar envie um mail para aqui: pirusas.carvalho@hotmail.com

Abraços

Mão na Massa disse...

Olá!

Há desafio no meu blog!
Inscreve-te!

Fabrícia disse...

Com agua na boba...menina que luxo...
bjs.

Mão na Massa disse...

Olá Carol!

Não sei porque, mas dava erro quando tentava enviar-te email...
Por isso tenho de escrever aqui...

Já tinhas participado no outro desafio do meu blog não já? Então este é assim: eu vou sortear pares como aconteceu no outro desafio, e depois voces têm de trocar objectos relacionados com a culinária e a comida, por exemplo: utensílios, ingredientes, livros… e depois quando tiveres o teu “pacote” todo feito envias pelos correios para o teu par, e ele faz a mesma coisa.

Se tiveres mais dúvidas, não hesites em perguntar, como estou de férias dou a resposta rápido. Hehe :)

Ana - Mãe de menino disse...

oi amiga!!! hum,amo nhoque...vc ta xike einh??rsrsrs.. pois e menina, ainda n achei uma fono legal p ele... mas acho tb q e normal, e mais pressao da fono,mas vou atras sim,afinal..filho e filho ne?? bjs e boa sorte na cirurgia do epqueno...bjss!

ANDREA COUTINHO disse...

BISBILHOTANDO, ACHO QUE FIQUEI MAIS GORDINHA, TIVE DESEJO DE COMER NHOQUE, TOMAR CANJICA, GELATINA...
ADOREI TUDINHO....

BJS! E SUCESSO.