28/08/2009

TAPIOCA

Oi amores!! Desculpem a ausência esses dias. É que eu sou do tipo de pessoa que se empolga muito com uma coisa nova. E ai quarta-feira fui na 25 de março fazer umas pesquisas e aproveitei para comprar umas toalinhas pro meu filhote. Por causa dessa gripe suína a escolinha pede pra todo dia mandar duas toalinhas de mão limpas. Uma pra enxugar a mãozinha e outra pro lanchinho. Ai comprei várias lá na 25. E ai já peguei milhões de gráficos pra bordar ponto cruz uns desenhos e o nome do Pepe. Agora até eu acabar todas as toalinhas não vou sossegar. Passei hoje aqui só pra dar o ar da graça e dizer que amo todas vocês e pra não me abandonarem.... Para uma passada rapidinha e pra não deixar esse espaço sem uma receitinha, vai um preparo que amo de paixão. Antes de conhecer ficava imaginando como alguém conseguia comer aquela massa branquela e grudenta, mas depois que comi a primeira vez fiquei encantada e desde então nunca mais parei. A tapioca é um prato versátil e que pode ter mil e um recheios. Antes comprava a fainha pronta na feira mas agora faço eu mesma a farinha em casa.

TAPIOCA

Fazendo a Tapioca: Coloque polvilho doce numa tigela e aos poucos vá adicionando água e esfarelando com as mãos como se estivesse fazendo uma farofa. Ela tem que ficar bem úmida mas cuidado que uma gota a mais de água que o polvilho aguenta, e a massa amolece todinha. Com a farinha pronta, pegue uma frigideira antiaderente pequena e pincele manteiga, bem pouca, só pra selar mesmo. Vá peneirando a farinha sobre a frigideira até formar um disco de massa. Não deixe muito fina senão ela racha. Leve ao fogo brando até a farinha se unir. Coloque o recheio de sua preferencia, no caso aqui, eu usei coco ralado e leite condensado. Quando perceber que a bordinha da tapioca já está ficando douradinha, dobre-a no meio unido bem as laterais. Sirva bem quentinha, tem que comer na hora senão vira puxa.




Atenção: A massa de tapioca tem que ter a umidade necessária para que ela forme o beiju na hora que aqueçe. Se você não colocar água suficiente, ela não endureçe, fica pó.
Você também pode servir a tapioca aberta mesmo, como uma pizza, e colocar os recheios que quiser, de pizza mesmo!!
ALGUMAS SUGESTÕES DE RECHEIO
Salgada:
- Abóbora com carne seca
- Cogumelos salteados
- Espinafre e ricota
- Manteiga de garrafa e carne de sol
- strogonoff
- Camarão com catupiry
- Requeijão,ovos e bacon
- Frango refogado com alface e maioneze
Doce:
- Coco com chocolate
- Doce de abóbora
- Brigadeiro
- Goiabada com queijo
- Doce de leite
- Chocolate derretido com frutas
- Geléias variadas

22 comentários:

Anônimo disse...

Olá.
Também adoro tapioca e costumo fazer a farinha. Gostaria de deixar uma dica de como faço: umedeço o polvilho e depois peneiro tudo em uma vasilha. Quando vou preparar a tapioca deixo a frigideira aquecer bem para só então colocar a farinha, assim ela não fica seca e quebradiça. A farinha que sobra deixo em um pote com tampa na geladeira. Bjos

Verena disse...

Carol,
também sou fã de tapioca! Conheci há tempos atrás quando meus pais foram dar um curso no Piauí e trouxeram a farinha para fazer a tapioca. Só que eles aprenderam a salgada, pra comer com manteiga ou queijo coalho...eu amo!
Há pouquíssimo tempo conheci a doce...com côco e leite condensado...nutella e morango...ô meu Deus!
Normalmente também faço com polvilho...
Adorei a dica!

Carol disse...

Anonimo, eu disse pra peneirar em cima da frigideira porque normalmente quem não tem pratica se por com a mão embolota um pouco a farinha, peneirando ela fica uniforme. Quantoa frigideira bem quente também deixo, é que como muita gente fará pela primeira vez, pode se atrapalhar um pouco na hora de por a massa na frigideira e ai piriga queimar. Apareça mais vezes. Beijão e obrigada pela visita.

Nanda Assis disse...

ta com uma cara otima!!

bjossss...

Lourdes Sabioni disse...

Essa bendita tapioca é o meu calcanhar de Aquiles...meu caçula adora mas eu não consigo acertar! Vou mandar ele ir na tua casa aprender! KKKKKKK Bjs

Cherry Blossom disse...

Carol
Eu sou neta de baianos e de mineiros então já viu né. Gosto demais da conta de polvilho, seja doce ou salgado. Você fez a sua igualzinho minha saudosa avó fazia as dela, umedecendo o polvilho na hora. Eu faço assim e do outro modo que é cobrindo com água de véspera e depois drenando.
Ai! Isso é bom até com apenas uma manteiguinha!..aiaiaiai..Manteiga Aviação que antigamente vinha de latinha...Era assim que comíamos em casa...
bicota!

Paula Pacheco disse...

Carol, que coisa boa...ficou show o seu passo a passo...tapioca é um coisa que eu tinha muita curiosidade de fazer, anotei tudinho, as dicas são uma perdição amiga...agora de noite ta dando uma vontade de comer essa tapioca doce nham nham nham,
bjs
Paula

Eu Mulher disse...

Amiga, se por acaso colocar muita água na massa, é até melhor porque evita que fique seca depois de pronta.

Quando vou para uma cidade que não tem goma pronta, faço com o polvilho mesmo. Coloco o polvilho em um recipiente e cubro com água / deixo descansar até que o pó esteja todo lá embaixo da água / isso demora um pouco / o bom e fazer na noite anterior e no dia seguinte e só derramar a água / pegar um pano limpo e seco e fazer um pouco de pressão em cima da massa para tirar o restante de água que ficar.
O resultado será uma "pedra" de goma. É só tirar pedaços da goma e peneirar.

Fica igual a que vendo já peneirada.

Gostei da maneira como você fez pois é bem rápida. Só fico pensando se não ficará seca demais.

Grande beijo

Canela disse...

Carol
Muito elucidativa essa reportagem.Gosto de tapioca,mas tenho poucas receitas.
Beijinhos

Bárbara disse...

carolzinha!!!
tapioca é bom demais...
e vc tbm é demais...
sae disso

bju

bom findiii

Claudia disse...

Eu amo e não como há um tempão, desde que voltei do Ceará. Mas sabe que aqui não há goma para fazer a tapioca, só as pérolas secas mesmo que só servem para pudim...

Bj.

C.

inspirações da Jô disse...

Essa sua tapioca tá com uma "carinha" boooooooooa...
Beijos!!!!!

Ana Powell disse...

Nunca comi, mas gosto bastante do resultado x

Fla disse...

Nunca nem sonhei em fazer tapioca, mas pelo que vi nem é tão difícil.
Adorei a receita.
Beijão
Fla

Rose disse...

Adoro tapioca Carol, e a sua não ficou nada a dever às que fazem aqui na Bahia, maravilhosa!
Depois mostra seus bordadinhos nas toalhinhas do filhote, adoro também, rss...ótima semana, bjos:)

Tânia Saj disse...

A corte adora quando eu faço de manhã, apenas com manteiga.....e café com leite....pode??
Beijinhos...e não se preocupe, eu não vou esquecer vc...hehe

Bárbara disse...

Vc acredita que nunca comi tapioca...
Juro!
Agora meu deu mta vontade, hehehehe...
Bjs querida...
:)
boa semana...

Nane Cabral disse...

Olá, é minha primeira visitinha por aqui e adorei essa receita de tapioca. Eu achava uma coisa tão sem graça, porém, nunca havia experimentado e confesso que adorei! Tenho uma visinha que é de Manaus e ela sempre faz com vários recheios diferentes, fica uma delícia! Nunca tentei fazer mas depois dessas fotos me deu uma vontade... Tenho um blog de culinária tb, qdo puder me faça uma visitinha. Bjinhos, Nane www.vovoqueensinou.blogspot.com

leonor de sousa bastos disse...

Olá Carol,

Mas que receita tão interessante! Nunca comi nada parecido e fiquei com imensa curiosidade!

Aqui em Palma é impossível encontrar polvilho...aliás, quase não existem produtos brasileiros. Quando for a Portugal vou tentar encontrar para experimentar!!

Beijo!

Vivian disse...

oi florrrrrrrr
saudades de ti e vim aqui num dia bom, adoro tapioca

bjks

Dani Oliveira disse...

Oi Cerejinha! Saudades!
Até que enfim colei o meu adesivo lindo. Amanhã (03/09) entra o post no ar. Beijos Mil =)

Anônimo disse...

oi..
comprei a massa pronta de tapioca e fiz como dizia a receita da internet
deixei de um dia para o outro de molho na agua com dois dedos acima da massa,porem a massa ficou um bloco grudento que aundo vou esfarelar gruda na minha mao.queria saber se a massa que vem pronta nao precisa deixar de molho na agua?